Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mixtapes

05.07.12

«Música é a arte de combinar os sons de uma maneira agradável». Foi a mais simples e bela definição que encontrei sobre música. E o que é agradável para uns, para outros nem tanto. Só por isso já se pode concluir que esta arte nos define.

 

Dado que gosto muito de música tenho intensões de pontualmente deixar aqui umas mixtapes – expressão vintage que melhor define uma compilação de músicas. Como os tempos são outros, e já lá vão as cassetes em que se gravavam as músicas que passavam na rádio – fazendo figas para que o locutor não interviesse – a expressão manteve o significado para diferentes suportes.

 

No que toca ao blog, sou reticente à incorporação de conteúdo externo que não seja controlável por mim, seja pela possibilidade de ser removido ou de ser modificado. Daí que aqui não tenham surgido conteúdos de plataformas como o Youtube ou o Grooveshark. Assim, as listas de músicas serão partilhadas em forma de texto, sendo opção do leitor partir à descoberta de algo mais sobre mim. O que não faltam por aí são ferramentas de pesquisa. Porque a Internet é isto, uma descoberta constante de novas coisas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 18:38


5 comentários

De Bruno Miguel a 05.07.2012 às 21:41

Daniel, já ponderaste utilizar o Sapo Vídeos para as mixtapes?

De Daniel Marques a 05.07.2012 às 22:17

Já Bruno. Mas de que forma o poderia fazer? Um vídeo por música não tornará o post pesado? Ou referes-te a uma sequência num só vídeo? E se fosse só som?

De Bruno Miguel a 05.07.2012 às 23:03

Teria que ser um vídeo com imagem estática e áudio a tocar. Em alternativa - e pessoalmente prefiro mil vezes este -, tens o mixcloud.com. Tens um exemplo de como funciona aqui: http://unrelated.tumblr.com/post/26310952907/this-is-the-second-edition-of-procrastination

De Daniel Marques a 06.07.2012 às 20:29

Ou ainda, abandonar a ideia das mixtapes e surgirem posts apenas relativos a uma só música utilizando o SAPO Vídeos. Mas sinceramente, até acho que com isto estou a criar «ruído» no blog. Acho o flash «intrusivo» e pouco «diluível» com o restante conteúdo, para além de o tornar mais pesado.
Enfim, pancadas! Que queres...

De Bruno Miguel a 10.07.2012 às 22:36

Eu tenho a mesma. Também não gosto nada do flash. Mas ainda não encontrei nada parecido em html5.

Comentar